Sistema de Avaliação

 

Entende-se avaliação como um processo contínuo e integrado ao ensino aprendizagem, dentro da articulação teoria-prática e a realidade vivencial do sujeito aprendente e a instituição, na perspectiva de apontar alternativas para a resolução de situações imprevisíveis, transitórias e multidimensionais.

Na especificidade do ensino são procedimentos didático-pedagógicos diversos, que sob critérios compartilhados de comum acordo entre os sujeitos envolvidos no processo, visam perceber dados qualitativos e quantitativos na relação e na produção efetiva ocorrida nos instrumentos aplicados, visando à formação de um ser humano crítico, criativo e reflexivo que desenvolva o saber pensar, saber fazer, saber conhecer, saber viver com os outros. É feita por disciplina, considerando a frequência e o aproveitamento do aluno. O discente deve recuperar notas, quando não atingir o patamar mínimo necessário na competência ou no bimestre, antes do encerramento do módulo.

 

Avaliação do rendimento acadêmico



a)    1° Bimestre: As provas escritas, orais e práticas, exercícios, trabalhos, seminários e outros instrumentos avaliativos, formarão uma nota (N1).

N1 (Média resultante de um conjunto de avaliações, cujo peso pode ser determinado livremente pelo(a) professor(a)).

b)    2° Bimestre: As provas escritas, orais e práticas, exercícios, trabalhos, seminários e outros instrumentos avaliativos.

N2 (Média resultante de um conjunto de avaliações, cujo peso pode ser determinado livremente pelo(a) professor(a)).

N1 + N2  = M1                (7,0) Para ser aprovado

                                                    2

c)    Final do semestre: Prova escrita que compreende o conjunto dos conteúdos da disciplina.

        N3 (Nota da Prova escrita)

M1 + N3 = M2       (5,0) Para ser aprovado

                                                         2

As notas atribuídas nas disciplinas serão divulgadas durante o semestre em três momentos previstos no calendário acadêmico.